Comércio da Região fecha 784 vagas, nos primeiros meses de 2019.

postado em: Notícias, Trabalho | 0

Falta de rumo da política econômica do governo Jair Bolsonaro, aliado à baixa expectativa para o crescimento da economia neste ano, resultou no fechamento líquido de 43.196 vagas formais de emprego em março, segundo dados do Caged; resultado acompanha a contínua degradação do mercado de trabalho registrada após o golpe contra a presidente Dilma Rousseff, em 2016, que resultou em 13,1 milhões de desempregados; situação deve persistir, uma vez que as projeções do mercado financeiro para o crescimento da economia neste ano foram reduzidas esta semana pela sétima vez consecutiva. (leia no Brasil 247)

 O setor que mais desempregou no país foi o comércio, com saldo negativo de 28.803 vagas.

Na região abrangida pelo Sindicato dos Empregados no Comércio de Itapema, que são as cidades de Itapema, Porto Belo e Bombinhas, fecharam no mês de março conforme dados do Caged, 784 vagas de empregos. A maior queda foi na cidade de Bombinhas com mais de 350 vagas, 220 somente no mês de Março.

Confira os dados de cada cidade:

Itapema:

Admitidos no mês de março foram 173, e demitidos 395, no ano o numero de admitidos chega a 707 e de demitidos no período 996;

 

Porto Belo

Admitidos no mês de março foram 136, e demitidos 188, no ano o numero de admitidos chega a 433 e de demitidos no período 576;

 

Bombinhas

Admitidos no mês de março foram 37, e demitidos 257, no ano o numero de admitidos chega a 145 e de demitidos no período 497.

No geral as três cidade acumulam um total de 1285 admitidos nestes três primeiros meses do ano, e de 2069 demissões, conforme dados do CAGED.

SEC ITAPEMA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

sete + 13 =